30/04/2011

Acontecimentos em desfiles de moda - Parte I


A idéia do desfile surge na segunda metade do século XIX, dentro do auge da alta-costura, com o costureiro Worth, que foi o primeiro a utilizar manequins vivas para apresentar seus modelos às clientes.
Já no início do século XX, com a indústria de moda ocupando seu espaço no mercado na Europa e nos Estados Unidos, os criadores de moda exibem desfiles para um público selecionado. A popularização dos desfiles aumenta à medida que aumenta o prestígio dos costureiros. 
Em 1980, os desfiles chegam não só com o glamour da época, mas com certa liberdade nas passarelas. Vários estilos estão em evidência e os desfiles são chamados de “shows”, cada vez mais inovadores e muitas vezes chamados de grandes espetáculos. Criadores como Jean-Paul Gaultier, Viviene Westwood, Christian Lacroix, Giorgio Armani entre outros fazem verdadeiros acontecimentos, espetáculos disputadíssimos entre profissionais da moda, personalidades e consumidores.
ENTENDENDO O DESFILE DE MODA
·        O desfile de moda é um Marketing para divulgar, vender roupas e moda;
  •  O desfile proporciona um fechamento de uma incansável produção tendo como base pesquisas, estudos, uma mão de obra intensa para a finalização de uma grande coleção. Portanto o desfile de moda coloca a MODA em grande circulação, promovendo assim a disseminação das marcas.
· Desfile de moda é uma complexa estrutura que busca a tecnologia e o profissionalismo para o sucesso de qualquer empreendimento. (Livro – As engrenagens da Moda, Marta Kasznar Feghali e Daniela Dwyer.
Na semana de alta-costura de Paris, o francês Jean Paul Gaultier mais uma vez ousou, 
brincando com o imaginário de todos ao expor a sua interpretação muito particular do mundo. As fotos do seu desfile parecem oriundas de um filme sci-fi, misturando punk rock e cancã.
chanel
Desfile Chanel Haute Couture inverno 2010 com cenografia do frasco do N’ 5
Desfile_de_modaem_aviao
Desfile de moda em um avião em Lisboa
JUM NAKAO
um desfile que fez historia
Desfile da Rosa Chá começa impactante com homem nu na passarela
Mega desfile realizado na muralha da China
PICASSO PSICODÉLICOA "noiva africana" de Jean-Paul Gaultier, exemplo da liberdade de arriscar 
e do virtuosismo dos criadores: "A alta-costura não é feita para vender, mas para encantar e aprimorar a moda"

6 comentários:

  1. Não entendo muito de moda, mas adoro desfile show, rs
    bjs e bom fim de semana
    Jussara

    ResponderExcluir
  2. Cada desfile é um show, literalmente! adoro vê-los ;)
    espero que um dia todas as pessoas entendam que existe desfile apenas conceito...
    espero que o meu seja um sucesso! ;*

    ResponderExcluir
  3. Oi Teresinha, boa noite,
    Excelente postagem. Os desfiles de moda são mesmo um grande show para serem apreciados, aplaudidos, lançarem tendências e garantir o prestígio das modelos.
    Bjo

    ResponderExcluir
  4. Os desfiles são um grande espetáculo, às vezes são paenas para se assistir, pois não trazem muito as roupas cotidiana...Ma sempre é interessante ver as tendências da moda.
    bjs

    ResponderExcluir
  5. Uau, eu também adoro ver desfiles de moda, mesmo não entendendo certos conceitos, mas acho tudo tão interessante, criativo, participativo, tão intenso e com as pessoas sempre muito integradas.
    Percebe-se hoje o quanto emprega pessoas e mexe com milhões neste mundo da moda.
    Beleza de post!
    bjs cariocas

    ResponderExcluir
  6. Não é impressionante como a cabeça dessa gente "voa"? Primoroso! Eu "babo" com desfile principalmente os de A.Costura.

    bjnhs, Tê

    ResponderExcluir

Amei o comentário. Bjs mil. Tê