13/04/2011

Ditadura da beleza x democratização da moda


Sempre penso neste assunto, mas hoje tive um pensamento mais profundo, pois tenho visto pessoas fazendo cirurgia de redução do estômago, sem ter aquela necessidade para tal, mas, cada um sabe dos seus problemas e anseios, não é mesmo?

Me pergunto: Até que ponto a pessoa se sente bem com a magreza?


ESTOU FALANDO APENAS DA PARTE DA ESTÉTICA E NÃO DAS PESSOAS QUE PRECISAM POR QUESTÃO DE SAÚDE.

No fundo, acho que esta busca para atingir uma numeração de roupa menor, nem sempre é necessário, não acham?

Tem pessoas que emagrecem tanto que parecem que estão anoréxicas.

Eu posso falar sobre esse assunto de emagrecimento. Nunca fiz cirurgia bariátrica, mas em questão de dieta sou craque (rsrs).. Acho que a minha primeira palavra foi DIETA... Nunca fui obesa. Acho que pelo fato de uma boa parte da minha vida trabalhar em clínicas de cirurgia plástica e estética, fiquei com essa neura.

Eu sempre fui muito vaidosa e sempre busquei ter um corpo legal. Nunca fui magra. Tenho a estrutura óssea larga. Mas...Sempre busquei manter meu peso.  Já tive quase anorexia. Tomei um remédio, indicado por um médico que me fez emagrecer 12kg em pouco tempo. O problema que não sentia mais fome. Via a comida e relutava até em olha-la. Nessa época minha filha mais nova tinha alguns meses e eu pensava que ia morrer. Foi terrível... Superei... Hoje penso muito para tomar qualquer tipo de remédio para emagrecer. Então, resolvi fazer uma dieta balanceada e malho todos os dias.

Eu prefiro a mais cheinha.
Não tenho um corpo escultural, mas até que estou  bem comigo mesma. Confesso que tem dias que dá uma vontade de usar aquele vestido lindo... Maravilhoso da vitrine, mas que só tem tamanhos mínimos, daí vem o  pensamento de colocar em prática a confecção dos meus desenhos de roupas para pessoas mais cheinhas. Acho que precisamos valorizar pontos fortíssimos em nosso corpo. Explorar o que temos de mais sexy e fazer com que a nossa autoestima exploda com o sucesso.

Para rir um pouquinho...






11 comentários:

  1. Oi, TÊ, tudo bem, querida?
    Essa questão - de ditadura do padrão de beleza vigente - é "mais velha do que andar pra tras : > ) No séc. XIX, as mulheres "serravam" (literalmente) as costelas, né? Além de usarem espartilhos e, lógico, desmaiarem. Como "a gente" é boba, escrava das aparências, né? Eu acho remédio um risco enorme, só médicos éticos de verdade podem receitar, o difícil é saber aonde eles estão!
    Prefiro malhar e ainda assim ser menos exigente comigo, seer minha melhor amiga.

    Com relação ao encontro, seria maravilhoso conhecer você (e a Beth) ao vivo e a cores, mas acho difícil porque estou mega atarefada com as provas. Incrível vc vir do ES; onde será e a que horas? Se der, faço questão de passar e dar um beijinho em vocês.

    bjnhs

    ResponderExcluir


  2. A ditadura impera mesmo. Mas temos que estar felizes e tbm pensar na saúde...
    Seu post ficou excelente!!!

    Bjs!!!

    ResponderExcluir
  3. não sabia da sua anorexia, vc sabe que vou pra academia arrastada, e que não abro mão do meu chocolate (L)
    mas sempre estou bem comigo mesma
    ;*

    ResponderExcluir
  4. Querida Te!
    Eu bem sei como você gosta e tem fôlego pra malhar e te acompanhar é difícil, principalmente se a amiga for meio preguiçosa que nem eu. hehe
    Bem, eu faço o que posso, mas não me esforço muito. Sei que estou fora de minha forma, mas toda hora lembro também a idade que já tenho e que não dá mais pra ser aquilo que eu era aos 20 ou 30 e poucos anos.
    Mas, ainda estou do jeito que não envergonha marido, sabe cumé? hehe
    bjs cariocas

    ResponderExcluir
  5. Minha queridaaaaaaa! Você vem, obaaaaaaaaa! Olha por enquanto eu vou sim ao encontro de sábado, mas surgiram uns problemas pessoais para eu resolver que se eu conseguir a minha presença será certa, mas só vou saber isso amanhã a noite... Mas, minha querida, hj no lançamento do livro da Glorinha eu vou com toda certeza, vc vai?
    Beijo, beijooooo!
    She

    PS: Volto com calma depois para te ler! ;)

    ResponderExcluir
  6. Oi Teresinha
    Sempre estive às voltas com dietas, reeducação alimentar, mesmo sempre estando 5 ou 6 kg acima do meu peso.
    O problema é que sou baixinha, então não posso engordar muito, senão fico horrível.
    Eu faço academia todos os dias da semana, musculação e pilates, sem contar que ando de bicicleta pra baixo e pra cima, minha cidade é muito plana, perfeita pra esta atividade.
    Bjo

    ResponderExcluir
  7. Oi Terezinha... obrigado pela visita e parabens pelo seu blog, gostei muito e vou linka-lo ao meu... tenho certeza que as pessoas que visitam o meu vao se identificar muito com suas ideias....

    Grande beijo
    Marcio

    ResponderExcluir
  8. Por isso dou graças a Deus todos os dias por me amar muito!!!rs

    bjkas

    ResponderExcluir
  9. Oi querida

    Foi um prazer conhecê-la. Vc é linda , seu biotipo combins com vc. A ditadura aprisiona, o melhor é estar bem consigo própria.
    bjs,
    Vou seguir seu espaço .

    ResponderExcluir
  10. Te achei! Gostei muito de te conhecer e convesar, voltarei com mais vagar para ler os posts.
    bjs
    Jussara

    ResponderExcluir
  11. eu confesso que não malho há mais de um ano...que vergonha! kkkk...sinto que minha saúde piorou horrores por falta de exercícios!
    preciso me organizar e voltar a praticar kickboxing (e voltar a pintar também, mas nada a ver com o assunto, kkkk)

    se vc tiver boas idéias pra roupas plus size, entre em contato comigo, porque estou pensando em criar algo assim também...inclusive vc pode ser a modelo de prova também...por enquanto eu aceito encomendas de tamanhos maiores dos modelos que já tenho prontos. vai ter desfile no dia 15...dá uma chegada lá pra ver...
    bjsssss

    ResponderExcluir

Amei o comentário. Bjs mil. Tê